Cresce o número de mulheres que jogam pelo celular

Segundo a reportagem da pesquisadora Sophia Mind mostra que houve um aumento de 15% das mulheres que jogam pelo celular.Em geral os jogos são uma forma de passatempo para as mulheres que aguardam algum tipo de atendimento. Na pesquisa pode-se observar como houve um aumento desde 2009. Onde as mulheres raramente utilizavam os jogos de celular. Outros tipos de jogos que não ficam atrás são os pela internet. Quem diria que as mulheres passariam tanto tempo jogando em frente ao computador adquirindo cada vez mais a tecnologia. Os percentuais ficaram de (69%) das que jogam pela internet. Sendo eles a maioria em redes sociais, com: (17%) Mini Fazenda; (16%) City Ville e (8%) Farm Ville . Excluindo as redes sociais, 47% responderam que utilizam games online como Buraco, Mario, Majong e Booble Shute. A quantidade de mulheres que jogam pela internet aumentou em 13% nos últimos dois anos. Entrevistei duas mulheres para saber como elas lidam também sobre isso. Fabiana Davino, 18 anos disse: "Eu costumo jogar pelo celular quase sempre, na maioria das vezes quando eu não tenho algo para fazer. Gosto de jogar Sudoku e outro de Labirinto que já vieram no meu celular. Quando vou baixar algum jogo, tem um site próprio da marca do meu celular que tem milhares de jogos para baixar. E no Baixaki também tem várias opções. Eu sempre joguei muito pelo celular, mas hoje em dia com mais obrigações não sobra tanto tempo para jogar"

Já a Marina Ferreira, 26 anos disse: "Nunca gostei muito de jogos pelo celular - na verdade nem pela internet fui muito fã - Mas depois que comecei a jogar os do facebook confesso que fiquei um pouco viciada. Eu não tinha muita paciência para ficar jogando, mas o legal do facebook é que você pode interagir com os outros usuários que também são seus amigos. É difícil as vezes deixar o trabalho de lado para sair do The Sims ou do Farm Ville. Porém esses são os únicos que jogo. Se fosse para baixar ou comprar, creio que nem me interessaria" Quando li sobre esta pesquisa, percebi o quanto os jogos estão inseridos no nosso cotidiano e vi que baixei mais de 5 jogos no meu celular (pelo BlackBerry app) só nesta semana. Entre eles estão: The Sims 3, Bubble Barker, Magic Sushi e o famoso Snake que é o jogo da cobrinha. Eu não jogo com muita frequência, mas quando vejo que aquela fila do médico, do banco, do mercado vai demorar é hora de pegar o celular na mão.

Na sua opinião como mulher ou homem, acha que as mulheres estão roubando mais a cena dos homens em questão dos jogos? Será que realmente as mulheres estão ficando viciadas em jogar?